Dada a enormidade de alternativas para investir no mercado financeiro, pode parecer complicado saber quais são os melhores investimentos e como diversificar de forma eficiente, não é mesmo?

Ao investir 50 mil reais, é possível alcançar um excelente nível de diversificação em busca da melhor rentabilidade, de acordo com seu perfil e objetivos.

No artigo de hoje, você aprenderá onde investir 50 mil reais, como realizar esse investimento de forma diversificada, além de como buscar os melhores produtos do mercado financeiro de acordo com seu perfil e metas enquanto investidor. 

Nova call to actionAproveite o jeito mais fácil de investir agora mesmo Faça seu cadastro grátis na Toro

Reserva de emergência e planejamento financeiro

Inicialmente, antes de falarmos sobre onde investir 50 mil reais, é importante que o investidor esteja por dentro de dois conceitos muito relevantes na sua trajetória de longo prazo: a reserva de emergência e o planejamento financeiro.

A reserva de emergência é aquele valor que você separa para situações e eventualidades em que precisará de recursos financeiros. Dessa maneira, você evita mexer nos seus investimentos e girar o seu patrimônio, causando perda de rentabilidade.

Já o planejamento financeiro é o meio pelo qual você coloca suas finanças em ordem, quita as dívidas, organiza gastos e despesas, além de provisionar um valor para suas aplicações mensais. Além disso, na fase de planejamento, você desenha o que será a sua carteira de investimentos para o longo prazo.

Estes itens são relevantes, pois são os pontos de partida na trajetória de qualquer investidor, seja ao investir R$ 5 mil, R$ 50 mil ou R$ 5 milhões. 

Neste artigo, quando falamos em como investir 50 mil reais, subentende-se que você já possui uma reserva de emergência e um planejamento financeiro construídos.

Confira um vídeo especial com o head de Assessoria da Toro, Felipe Borges, sobre o conceito e elaboração de um planejamento financeiro.

Tenha ajuda profissional para alcançar seu sucesso Fale com nossos Assessores  certificados

Quanto rende 50 mil reais na Poupança?

Caso você já tenha estudado o mínimo sobre o tema, deve ter notado que o rendimento da caderneta de Poupança é muito baixo. Porém, o quão baixo é de fato?

Veja abaixo uma simulação comparativa entre investir na Poupança, em uma aplicação de Renda Fixa que retorna 100% do CDI e na Bolsa de Valores por meio de um ETF que acompanha o principal índice do mercado acionário, o Ibovespa.

Quer ter atendimento exclusivo com Assessores certificados? Acesse aqui e fale com o time de profissionais da Toro

Os R$ 50 mil investidos no primeiro dia útil de 2015 e "carregado" até agora, renderiam 41,31% na Poupança, 68,58% no CDI e 122,15% na valorização das cotas do ETF.

Além disso, os ganhos reais, ou seja, subtraindo a inflação, obtidos na Poupança seriam bem próximos de zero ou até mesmo negativos. De acordo com a calculadora do IBGE, a inflação no período foi de 46,41%. Logo, o retorno da Poupança foi negativo entre as aplicações que comparamos.

Ano a ano, também podemos constatar isso na tabela a seguir:

Ano Inflação anual Rendimento da Poupança Ganho real
2020 4,52% 2,11% –2,31%
2019 4,31% 4,26% –0,05%
2018 3,75% 4,62% +0,84%
2017 2,95% 6,61% +3,55%
2016 6,29% 8,30% +1,89%
2015 10,67% 8,15% –2,28%
2014 6,41% 7,16% +0,71%
2013 5,91% 6,37% +1,43%
2012 5,84% 6,47% +0,60%
2011 6,50% 7,50% +0,94%
2010 5,91% 6,80% +0,94%

Fontes: Banco Central e IBGE

Portanto, como você pôde perceber, a Poupança se tornou um péssimo investimento ao longo dos anos e isso não muda nem mesmo se aumentar o valor investido.



Onde investir 50 mil reais?

Então, se a Poupança é um investimento ruim, onde investir 50 mil reais para buscar algum retorno real?

Como observamos no exemplo do tópico anterior, tanto a Renda Fixa a 100% do CDI quanto a valorização do ETF na Renda Variável superaram a Poupança e a inflação acumulada.

Além disso, o investidor pode diversificar sua carteira de aplicações com os seguintes produtos entre os investimentos financeiros:

Renda Fixa

Entre os melhores investimentos de Renda Fixa para investir 50 mil reais, podemos destacar: 

      1. Tesouro Direto: títulos para empréstimo ao governo federal.
      2. Certificado de Depósito Bancário (CDB): títulos emitidos por bancos.
      3. Recibo de Depósito Bancário (RDB): empréstimo a instituições financeiras.
      4. LC, LCI e LCA: financiamento do mercado financeiro, imobiliário ou agropecuário.
      5. CRI e CRA: títulos lastreados em recebíveis de negócios imobiliários ou do agronegócio.
      6. Debêntures: título privado que formaliza o empréstimo a uma empresa privada. 
      7. Fundos de Renda Fixa: cotas do patrimônio de um Fundo que investe nos ativos acima.
      8. Carteiras digitais atreladas ao CDI: contas que oferecem rendimento acompanhando a taxa DI.

Lembre-se de que a rentabilidade das aplicações de Renda Fixa segue a taxa DI – também chamada popularmente de "taxa do CDI" – e, dessa maneira, o retorno será mais significativo quanto mair for a rentabilidade em relação ao CDI que, por sua vez, tende a acompanha de perto o valor da taxa Selic.

Confira um exemplo abaixo de uma aplicação hipotética de R$10 mil em diversas remunerações conforme à taxa DI:

Tenha ajuda profissional para alcançar seu sucesso Fale com nossos Assessores  certificados

Renda Variável

Além da Renda Fixa, você também pode diversificar sua carteira com investimentos da Renda Variável. Entre as diversas possibilidades, as mais procuradas pelos investidores são:

      1. Ações: fração do capital de uma empresa listada em Bolsa. 
      2. Fundos Imobiliários (FIIs): cota de patrimônio de um Fundo de Imóveis ou Recebíveis Imobiliários.
      3. ETFs: cota do patrimônio de Fundos que seguem um índice de mercado como referência.
      4. BDRs: recibo de ações de empresas estrangeiras negociados no Brasil.
      5. Fundos de Ações (FIA): cota do patrimônio de um Fundo que investe, no mínimo, 67% em ações.
      6. Fundos Multimercados (FIM): cota do patrimônio de um Fundo que investe em Renda Fixa e Variável.
      7. Câmbio: moedas de países estrangeiros ou Fundos que nelas investem.
      8. Criptomoedas: moeda digital que utiliza a tecnologia blockchain e criptografia.

Carteiras de ações recomendadas

Por fim, ao procurar as melhores alternativas para diversificar 50 mil reais na Renda Variável, você também pode contar com as carteiras recomendadas da Toro. Nessas carteiras, nossos Analistas estudam e selecionam os melhores ativos de acordo com o objetivo ou característica do portfólio.

Confira quais são as principais carteiras de ações recomendadas da Toro:

Como investir 50 mil reais com diversificação?

Além de saber em quais produtos financeiros investir, é preciso também montar uma carteira de alocação inteligente de acordo com o seu perfil de investidor e objetivos. 

A diversificação ocorre ao aplicar em diversos tipos de investimentos de modo a aumentar a segurança, as chances de retorno e diminuir os riscos.

A diversificação necessária deve ser feita ao elaborar o seu planejamento financeiro para os investimentos em que você irá, de acordo com o que deseja alcançar e com seu nível de tolerância ao risco, definir em quais produtos do mercado dividirá os seus 50 mil reais.

A seguir, apresentamos alguns exemplos de diversificação, alocando 50 mil reais em diferentes produtos de investimento de acordo com o apetite ao risco. 

Carteira de investimentos conservadora

O investidor conservador é aquele com menor tolerância ao risco nos investimentos. Desse modo, é o tipo de pessoa que preza mais pela segurança e retornos constantes do que aplicar seu dinheiro em investimentos de maior volatilidade. Assim sendo, o perfil conservador concentra a maior parte do seu patrimônio em aplicações de Renda Fixa.

Perfil conservador – onde investir R$ 50 mil com diversificação:

  • 75% Renda Fixa Pós-fixada
  • 25% Renda Fixa IPCA

Importante: isto é apenas um exemplo de alocação inicial com base na tolerância de risco deste perfil e não uma recomendação de compra. A diversificação ideal pode mudar de pessoa para pessoa, bem como de acordo com os objetivos e prazos dos investimentos.



Carteira de investimentos moderada

O investidor do tipo moderado é mais tolerante ao risco do que o conservador, mas não se expõe totalmente às aplicações de alta volatilidade. Sua carteira de investimentos pode ser um pouco mais diversificada entre produtos de Renda Fixa e Variável.

Perfil moderado – onde investir R$ 50 mil com diversificação:

  • 35% Renda Fixa Pós-Fixada
  • 5% Renda Fixa IPCA
  • 18% Ações
  • 10% Fundos Imobiliários (FIIs)
  • 20% Fundos Multimercados
  • 12% Internacional (BDRs e ETFs)

Importante: isto é apenas um exemplo de alocação inicial com base na tolerância de risco deste perfil e não uma recomendação de compra. A diversificação ideal pode mudar de pessoa para pessoa, bem como de acordo com os objetivos e prazos dos investimentos.



Carteira de investimentos arrojada

Por fim, os investidores de característica arrojada são mais tolerantes às volatilidades e riscos do mercado. Dessa maneira, podem recorrer a uma exposição maior a mais tipos de investimento, sobretudo entre os de Renda Variável.

Perfil arrojado – onde investir R$ 50 mil com diversificação:

  • 25% Renda Fixa Pós-fixada
  • 5% Renda Fixa IPCA
  • 25% Ações
  • 14% Fundos Imobiliários (FIIs)
  • 17% Fundos Multimercados
  • 14% Internacional (ETFs e BDRs)

Importante: isto é apenas um exemplo de alocação inicial com base na tolerância de risco deste perfil e não uma recomendação de compra. A diversificação ideal pode mudar de pessoa para pessoa, bem como de acordo com os objetivos e prazos dos investimentos.



Ainda está na dúvida de como fazer essa diversificação na sua carteira de investimentos? Então, conte com a Toro para te ajudar! A partir de 50 mil reais investidos, você conta com um Assessor dedicado para lhe auxiliar a encontrar a melhor diversificação para o seu perfil e objetivos.

Na Toro Investimentos, você conta com uma equipe completa de Assessores e Analistas, composta por profissionais certificados com a CPA-20, CNPI e CFP®.

Assista a um conteúdo em vídeo especial abaixo e entenda mais sobre o papel do Assessor de Investimentos

Quer ter atendimento exclusivo com Assessores certificados? Acesse aqui e fale com o time de profissionais da Toro