Você já pensou em viver de renda? Se você quer saber quanto rende 1 milhão na poupança, se é um bom investimento ou onde investir para render mais, neste texto responderemos essas questões e abordaremos outros tópicos importantes para você investir melhor o seu dinheiro.

Em resumo, entre 2014 e 2015, 1 milhão de reais poderiam render:

  • R$1.399.910,74 na poupança.
  • R$1.691.941,68 no CDB 102% CDI.
  • R$1.634.921,63 em LCI e LCA 95% Cdi (Isento de I.R.).
  • R$1.680.059,00 no Tesouro Direto Selic.
  • R$1.700.213,92 na LC 103% do CDI.
  • R$1.706.501,31na Bolsa (Ibovespa).

A seguir você poderá conferir como fizemos essa simulação, e como você pode simular a rentabilidade do seu futuro investimento.

Quanto rende a poupança em 2019

Uma pergunta recorrente que as pessoas se fazem quando vão decidir onde aplicar seu dinheiro é o quanto rende 1 milhão na poupança. Mas, antes de demonstrar o quanto rende falaremos um pouco das regras da poupança, que são basicamente dois pontos: 

  1. Quando a taxa Selic (taxa básica de juros da economia brasileira) estiver acima de 8,5% ao ano, a poupança renderá ao mês 0,5% + a Taxa Referencial, que é um indicador calculado pelo Banco Central utilizado para corrigir diversos investimentos.
  2. Quando a taxa Selic estiver abaixo de 8,5% ao ano, o rendimento da poupança será 70% da própria Selic mais a Taxa Referencial

Como a taxa Selic segue abaixo de 8,5% desde setembro de 2017, a segunda regra que está sendo utilizada atualmente. 

Quando o assunto é  rentabilidade a poupança não é a melhor alternativa, mas sim uma porta de entrada para o mundo dos investimentos: você acumula capital na poupança para depois escolher alternativas mais rentáveis. Uma dessas alternativas pode ser investir em um título do Governo, que é tão seguro quanto e tem a rentabilidade atrelada a própria Selic.

Nessa mesma linha de raciocínio, espera-se que a rentabilidade da poupança diminua mais ainda no futuro dado os recorrentes cortes na taxa Selic. No gráfico a seguir, destacamos o comportamento dos últimos cinco anos da poupança, o seu rendimento bruto e o real, sendo este segundo o rendimento bruto descontado pela inflação.

Fonte: elaboração própria

Entendemos que não só o Brasil mas o resto do mundo também vive em uma franca queda de taxa de juros, o que por sua vez pressiona a rentabilidade dos investimentos de renda fixa para baixo. Tal movimento pode ser observado a partir de 2016 na curva da rentabilidade bruta, onde ela se inclina para baixo, ou seja, o investidor de poupança está ganhando menos ao longo do tempo. 

Já observando o retorno real, o que chama a atenção é o período de 2015, no qual a rentabilidade real foi negativa, ou seja, o investidor perdeu poder de compra. Essa situação se dá quando a inflação é superior ao rendimento bruto.

Quanto rende 1 milhão na poupança

A seguir destacamos o rendimento em termos percentuais ao ano, o quanto você receberia por ano se você tivesse aplicado R$1 milhão na poupança, e o retorno acumulado dos últimos 5 anos.

Ano

Retorno da Poupança

Em R$ por ano

Acumulado no tempo

2014

7,16%

R$ 71.600,00

R$ 1.071.600,00

2015

8,15%

R$ 81.500,00

R$ 1.158.935,40

2016

8,3%

R$ 83.000,00

R$ 1.255.127,04

2017

6,61%

R$ 66.100,00

R$ 1.338.090,94

2018

4,62%

R$ 46.200,00

R$ 1.399.910,74

Fonte: elaboração própria. 

Agora trataremos outras alternativas de investimentos, uma vez que esgotamos as regras da rentabilidade da poupança e como foi seu comportamento ao longo do tempo. Reforçamos mais uma vez que a poupança não é um investimento tão atrativo em em termo de rentabilidade. 

Investindo além da poupança - onde investir 1 milhão de reais

Mesmo sabendo do baixo rendimento da poupança, muitos brasileiros ainda mantém seu dinheiro na caderneta. E isso acontece por uma dúvida clássica: onde investir 1 milhão de reais com segurança e rentabilidade?

Existem diversas opções no mercado e o importante é conhecer as vantagens e desvantagens de cada opção, e encontrar aquelas que mais combinam com o seu perfil de investidor, seja com maior ou menor risco.

Também é importante simular a quantia e prazo que você pretende investir, comparando quais as opções mais rentáveis para o seu dinheiro.

Neste artigo fizemos algumas simulações de onde investir 1 milhão de reais, mas, na Toro, você também pode fazer a sua própria simulação, gratuitamente. Veja agora mesmo.

Quanto rende 1 milhão no Tesouro Direto

Começando por um dos investimentos mais simples em Títulos do Governo, o Tesouro Selic, que tem uma rentabilidade superior ao da poupança. Destacamos que a segurança é a mesma, uma vez que é o próprio governo que gera essa credibilidade, e a liquidez é bem parecida, você consegue sacar o investimento no dia útil seguinte à solicitação de resgate. No gráfico a seguir comparamos a rentabilidade mensal da poupança e da Selic entre janeiro de 2018 a julho de 2019:

Fonte: Banco Central.

Colocando novamente em valores, caso tivesse investido R$1 milhão neste período você teria recebido no Tesouro Selic o montante de R$1.103.234,63. Em contrapartida, na poupança o seu rendimento seria de R$1.073.741,80, uma diferença de R$29.492,83 (o valor de um carro popular).

Por fim, destacamos que se tivesse investido no tempo base de 2014 a 2018 teria recebido o montante conforme a tabela a seguir:

Período

Tesouro Direto Selic

Acumulado no tempo

2014

R$1.109.600,00

R$ 1.109.600,00

2015

R$1.134.700,00

R$ 1.259.063,00

2016

R$1.141.800,00

R$ 1.437.598,00

2017

R$1.098.377,43

R$ 1.579.025,00

2018

R$1.063.984,81

R$ 1.680.059,00

 

Quanto rende 1 milhão no CDB

Um outro investimento que ganhou bastante adesão entre os investidores brasileiros e que apresenta uma boa rentabilidade é o CDB. A rentabilidade varia de acordo com o tempo de resgate, existe desde o liquidez diária, no qual você consegue sacar a qualquer momento, a prazos maiores, com vencimentos em muitos anos.

Lembramos ao leitor que a rentabilidade varia conforme esse tempo mínimo de resgate, prazos mais alongados tem rentabilidades maiores.

A seguir demonstramos como foi o comportamento de um CDB que remunera 102% do Cdi de 2014 a 2018.

Tempo

CDB 102% CDI

Acumulado no período

2014

R$ 1.109.854,00

R$ 1.109.854,00

2015

R$ 1.136.272,00

R$ 1.261.096,02

2016

R$ 1.143.412,00

R$ 1.441.952,33

2017

R$ 1.101.239,80

R$ 1.587.935,30

2018

R$ 1.065.497,87

R$ 1.691.941,68

 

Quanto rende 1 milhão na LCI e LCA

Uma das formas de incentivar os mercados imobiliário e agrícola é via investimentos em LCI e LCA. Essas modalidades se destacam frente às outras por não ter imposto de renda para as pessoas físicas. Tais investimentos também apresentam uma rentabilidade em geral superior à poupança No quadro abaixo demonstramos a rentabilidade dos últimos 5 anos:

Tempo

LCI/LCA 95% CDI

Acumulado no período

2014

R$ 1.102.315,00

R$ 1.102.315,00

2015

R$ 1.126.920,00

R$ 1.242.220,82

2016

R$ 1.133.570,00

R$ 1.408.144,25

2017

R$ 1.094.291,97

R$ 1.540.920,96

2018

R$ 1.061.002,92

R$ 1.634.921,63

 

Quanto rende 1 milhão na Bolsa

Outro tipo de investimento disponível no mercado é o de bolsa de valores. Os investimentos em ações estão dia após dia ganhando mais volume e adesão dos investidores brasileiros. Esse movimento pode ser explicado por duas vias: 

  1. Os rendimentos em renda fixa estão cada vez menores ao longo do tempo. 
  2. Instituições que prezam por educação financeira, como a Toro Investimentos, estão conscientizando os investidores sobre os riscos e retornos, vantagens e desvantagens de se investir no mercado de capitais.

Assim, na tabela a seguir destacamos o quanto renderia R$1 milhão, conforme a rentabilidade do Ibovespa, no período de 2014 a 2018.

Tempo

Ibovespa

Acumulado no período

2014

R$ 1.070.799,10

R$ 970.900,00

2015

R$ 1.080.739,10

R$ 841.673,21

2016

R$ 1.083.046,80

R$ 1.169.420,76

2017

R$ 1.066.140,90

R$ 1.483.527,17

2018

R$ 1.046.229,50

R$ 1.706.501,31

 

Reforçamos mais uma vez sobre o risco de se investir em ações e que o investidor deve ter perfil para isso. Ao observar os anos de 2014 e 2015 pode perceber que foram mais desafiadores, no qual o investidor teria perdido dinheiro no mercado, mas nos anos seguintes o retorno acaba sendo compensado.

Quanto rende 1 milhão na LC - Letra de Câmbio

Já outro investimento que pode ser considerado é a LC. Tal investimento pode ter taxas melhores, mas requer a imobilização do capital por um tempo. Assim, investimentos que tem prazos de resgate mínimos maiores, tem também taxas de rentabilidade maiores.

Destacamos abaixo uma LC que tivesse rendido 103% do CDi no período:

Tempo

LC 103% CDI

Acumulado no período

2014

R$ 1.110.931,00

R$ 1.110.931,00

2015

R$ 1.137.608,00

R$ 1.263.803,99

2016

R$ 1.144.818,00

R$ 1.446.825,56

2017

R$ 1.102.232,35

R$ 1.594.737,94

2018

R$ 1.066.140,01

R$ 1.700.213,92

 

Contudo, fazemos um alerta. Um montante de investimentos de R$1 milhão é indicado que o investidor trabalhe com uma carteira diversificada. Assim, ele pode mitigar o risco de exposição do seu rendimento atrelado a uma única taxa, podendo ter investido em Selic, CDB, LCI, LCA, a taxa de inflação mais uma rentabilidade X e etc.

Na Toro Investimentos você consegue encontrar os melhores investimentos do mercado, comparar rentabilidades,  prazos, emissores e adquirir o que é de fato melhor para você.

Como investir 1 milhão de reais

A essa altura do texto você já pode estar se perguntando como faz para investir em algum desses produtos de renda fixa. Bom, para isto você precisa ter conta aberta em alguma corretora, bem parecido como você tem no seu banco para investir em poupança. O passo-a-passo da Toro Investimentos é bastante simples:

  1. Abrir sua conta gratuita
  2. Enviar dinheiro para a conta na Toro.
  3. Comparar e escolher as opções em que deseja aplicar.
  4. Aplicar seu dinheiro.
  5. Acompanhar seus investimentos.
  6. Reinvestir seus lucros futuros.

Por fim, acreditamos que o mundo dos investimentos vai bem mais além do que a tradicional poupança, com rentabilidades superiores e a mesma segurança.