Quem deseja realizar seus sonhos e desfrutar de uma vida tranquila precisa colocar seu controle financeiro em primeiro lugar. Apesar de parecer algo complicado, saiba que é possível manter as finanças pessoais em ordem com atitudes simples.

Você vai ver, logo mais, algumas dicas que tornarão essa tarefa mais prática e prazerosa para o seu dia a dia. Também vamos te apresentar as melhores estratégias para administrar seu dinheiro. Você vai aprender:

  • Como organizar suas finanças pessoais.
  • Como começar a fazer um controle financeiro.
  • Como manter bons hábitos financeiros.

Aprenda a organizar as finanças pessoais

Vamos te mostrar que é possível conquistar uma vida financeira saudável com atitudes simples. Grande parte das pessoas justifica seu descontrole financeiro com a dificuldade de organização e gestão do dinheiro. Porém, conforme você verá logo mais, pequenas atitudes fazem muita diferença.

Confira as dicas:

Saiba quais são suas rendas e despesas

Conhecer seus ganhos, gastos e dívidas é o primeiro passo para organizar as finanças. Afinal, essa é a maneira mais rápida de descobrir a causa de um endividamento e estudar maneiras de cortar gastos e economizar.

Por esse motivo, é importante que você faça uma análise e anote tudo aquilo que você recebe e todas as despesas — fixas e variáveis — que você tem ao longo do mês.

Lembrando que, além dos benefícios que já falamos, essa prática pode ajudar você a identificar e compreender melhor a porcentagem que consegue economizar mensalmente.

Defina seus objetivos financeiros

Ter uma meta é essencial para alcançar bons resultados. Quando se consegue definir com clareza objetivos a curto, médio e longo prazo, construir uma estratégia para atingi-los se torna bem mais fácil. Portanto, para organizar suas finanças pessoais defina metas e aprenda a trabalhar com elas.

Por exemplo, você pode definir que quer economizar pensando na sua aposentadoria. A partir daí, pode determinar que começará a poupar 10% da sua renda todo mês e subirá a meta para 15% em 6 meses e 20% em um ano. Com essa definição, basta se organizar e manter a disciplina para não sair desse planejamento.

Monitore os gastos

Grande parte das pessoas tem dificuldades em monitorar seus gastos. Na verdade, encontrar alguém que tem a prática de anotar todas as suas despesas no papel não é uma tarefa fácil.

A boa notícia é que a tecnologia tem contribuído bastante para essa mudança de hábito. Atualmente, é possível ter o auxílio de aplicativos de celular, planilha de gastos para computador e, claro, dos cadernos de anotações — para os mais tradicionais.

Enfim, seja qual for o método escolhido, tenha o cuidado de monitorar quanto e com o que está gastando seu dinheiro. Essa simples atitude pode revolucionar seu dia a dia e ajudar você a economizar muito mais.

Faça um fundo emergencial

Imprevistos acontecem. A questão é que precisamos estar preparados financeiramente para esses fatos inesperados, como uma doença, perda do emprego ou nascimento de um filho que não estava nos planos.

Ter um fundo emergencial é uma estratégia interessante, que pode ajudar você a passar por essas situações com mais tranquilidade e evitar as dívidas. Por isso, planeje e coloque em prática essa ideia o quanto antes.

Tenha disciplina e persistência

Quando pensamos nos motivos que levam uma pessoa a se endividar e não conseguir manter uma vida financeira saudável, a falta de disciplina e persistência estão sempre no topo da lista.

Por isso, vamos destacar: o cuidado com as finanças deve fazer parte da sua rotina. Quando os bons hábitos são cultivados no dia a dia, os resultados logo aparecem. Em outras palavras, a organização financeira só se conquista aos poucos e de maneira constante.

Controle o uso do cartão de crédito

O cartão de crédito é um aliado dos consumidores hoje em dia, mas em muitos casos se torna o grande vilão do orçamento familiar quando utilizado de forma descuidada. O crédito fácil e rápido pode esconder inúmeras armadilhas e prejudicar todas as suas metas financeiras, já que ele está ligado a uma das maiores taxas de juros do mercado.

Assim sendo, o ideal é, se você possui um cartão de crédito, recorrer a ele com mais consciência e apenas quando necessário. Outro lembrete importante: não se esqueça de avaliar o custo da fatura mensal e não apenas o valor de cada parcela.

Poupe dinheiro e invista

Quando uma pessoa consegue organizar as finanças pessoais e fazer um bom controle de despesas, acaba poupando mais dinheiro. Mas, para multiplicar esses valores, é importante saber o que fazer com suas economias.

Fazer investimentos que têm boa rentabilidade a curto, médio ou longo prazo, pode ser uma boa ideia. Afinal, isso pode contribuir bastante para ter uma vida financeira mais estável e promissora.

Porém, é necessário enfatizar que o investimento precisa ser realizado com segurança e planejamento. Nesse caso, ter o apoio de uma boa corretora de valores faz toda a diferença e pode ajudar você a não cometer erros.

Invista nos melhores investimentos da Renda Fixa com um clique. Veja agora

Curso de finanças pessoais: aprenda a se organizar

Muitas pessoas compreendem a importância da educação financeira, mas possuem dificuldades em manter as finanças organizadas ou têm dúvidas de como colocar essa ideia em prática.

Se você faz parte desse grupo, já pensou em fazer um curso de finanças pessoais?

É interessante destacar que, em muitos casos, é possível obter esse conhecimento sem sair de casa e sem gastar nada. Existem cursos totalmente gratuitos e onlines, como o do Senai, que traz módulos interessantes, como:

  • Determinação do perfil financeiro.
  • Importância da educação financeira.
  • Planejamento e finanças pessoais.
  • Gerenciamento de dívidas.
  • A escolha de investimentos.

Além de buscar conhecimentos em finanças pessoais, é interessante se esforçar para aprender mais sobre o mercado financeiro em geral. Dessa forma, você pode aprender como funciona a Bolsa de Valores e também sobre outras modalidades.

Assim, fica mais fácil traçar estratégias financeiras eficientes, pois poderá aliar o controle financeiro com bons investimentos.

Do mesmo modo, você estará mais perto de alcançar a tão sonhada independência financeira. Isso porque, ao organizar suas finanças pessoais e aplicar seu dinheiro em modalidades mais rentáveis e seguras, seus objetivos poderão ser alcançados com mais facilidade.

Aprenda a criar o seu futuro com investimentos. Curso grátis



Artigos relacionados: