Cadastre-se grátis

Forex Trading: o que é e como funciona esse mercado?

Forex Trading é o processo de compra e venda de pares de moedas estrangeiras no mercado de câmbio para obter lucro. A negociação é conduzida no balcão (over the counter, em inglês) por meio de uma rede de bancos em grandes centros financeiros de todo o mundo. 

O mercado de Forex, também conhecido como mercado de câmbio, é amplamente reconhecido globalmente, mas no Brasil, ainda não é regulamentado.

Contudo, isso não significa que sua prática seja ilegal. A falta de regulamentação pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aumenta o risco das operações, e portanto, o Forex Trading é mais recomendado para traders experientes que tenham baixa aversão ao risco.

Para te ajudar a compreender o funcionamento do Forex Trading, neste artigo vamos mostrar como esse mercado funciona, quais são as vantagens e os principais riscos de operar nele. Continue lendo! 

O que é Forex Trading?

Forex trading, ou câmbio de moeda estrangeira, é o processo de compra e venda de moedas estrangeiras no mercado de câmbio (Forex).

Os participantes do mercado Forex incluem bancos, instituições financeiras, governos, empresas e investidores individuais.

As transações no mercado Forex envolvem a troca de uma moeda por outra a uma taxa de câmbio acordada. Isso significa que os traders de Forex tentam prever as oscilações nas taxas de câmbio para tomar decisões de compra ou venda e, assim, lucrar com essas mudanças no mercado.

Existem aproximadamente 40 moedas disponíveis para negociação. É importante notar que neste mercado ocorrem apenas trocas de ativos, não envolvendo moedas físicas.

Devido às rápidas flutuações dos ativos, é comum que as pessoas abram e fechem operações no mesmo dia, às vezes em questão de minutos ou até segundos.

É um mercado altamente líquido e volátil, que opera 24 horas por dia, cinco dias por semana, em todo o mundo. Também é bastante arriscado, por isso requer bastante cuidado, não sendo indicado para quem é trader iniciante

Como o Forex Trading funciona?

No Forex trading, os traders compram uma moeda enquanto simultaneamente vendem outra. As transações ocorrem em pares de moedas, como o EUR/USD (Euro/Dólar Americano).

O objetivo é lucrar com as flutuações nas taxas de câmbio. Por exemplo, se um trader acredita que o valor do euro vai subir em relação ao dólar, ele compraria o par EUR/USD. Se a previsão estiver correta e o euro se valorizar, ele vende o par para obter lucro.

O mercado Forex está aberto 24 horas por dia, 5 dias e meio por semana. As moedas são negociadas em todo o mundo nos principais centros financeiros de Frankfurt, Hong Kong, Londres, Nova Iorque, Paris, Singapura, Sydney, Tóquio e Zurique – em quase todos os fusos horários.

Isso significa que o mercado cambial começa em Tóquio e Hong Kong quando termina o dia de negociação nos EUA. Assim, o mercado cambial pode estar bastante ativo a qualquer momento, com as cotações de preços mudando constantemente.

Um aspecto interessante dos mercados cambiais mundiais é que não há nenhum local físico que  funciona como lugar de negociação. Em vez disso, existe uma série de terminais comerciais e redes de computadores conectados. Os participantes do mercado são instituições, bancos de investimentos, bancos comerciais e investidores de todo o mundo.

Isso significa que o Forex é um mercado descentralizado. Se você investe em ações da Bolsa, por exemplo, toda a negociação de compra e venda acontece dentro do ambiente da B3, certo? 

Porém, se um trader resolve investir no Forex Trading, não há esse limite de negociação com pessoas que estão no mesmo ambiente. 

Por conta disso, é difícil determinar os ganhos potenciais nesse mercado, pois depende do tempo da operação, das oscilações durante esse período e do montante utilizado.

Ademais, é possível ampliar os lucros por meio da alavancagem, permitindo operações com um investimento mínimo, mas com um valor aparentemente maior, por meio de empréstimos oferecidos pelas corretoras que operam no mercado Forex.

Quais são os prós e contras do Forex Trading?

Como vimos, esse mercado é bastante arriscado e envolve diversas estratégias por parte de quem realiza a negociação. 

Para deixar mais claro quais são os prós e contras do Forex Trading, veja a tabela abaixo:

Prós Contras
Maior mercado em termos de volume diário de negociação do mundo. A alavancagem pode tornar as negociações Forex muito voláteis.
Negociado 24 horas por dia, cinco dias e meio por semana. Requer uma grande compreensão dos fundamentos de trading e indicadores econômicos.
O capital inicial pode se multiplicar rapidamente. Não é regulamentado no Brasil.
Geralmente segue as mesmas regras da negociação comum em Bolsas de Valores. É bastante arriscado e requer bastante experiência com negociações.
Mais descentralizado do que os mercados tradicionais de ações ou títulos. Muitos golpistas aproveitam que não é regulamentado pela CVM para enganar traders.

Quais são as estratégias básicas do Forex Trading?

As formas mais básicas de Forex Trading são as de Long & Short. Em uma negociação de posição longa (long), o trader acredita que o preço da moeda subirá e que poderá lucrar com isso. Já na posição curta (short), o trader aposta na queda do preço do par de moedas.

Por outro lado, também é possível utilizar estratégias de trading baseadas em Análise Técnica, como as médias móveis, para fazer boas negociações.

Dependendo da duração e dos números de negociação, as estratégias de Forex Trading podem ser categorizadas em 4 tipos fundamentais:

  • Scalper Trading: estratégia de operações realizadas no mesmo dia que visa obter ganhos com movimentos rápidos do mercado, tanto na compra quanto na venda.
  • Day Trade: negociações de curto prazo em que as posições são mantidas e liquidadas no mesmo dia. A duração pode ser de horas ou minutos.
  • Swing Trade: em uma negociação de Swing Trade, o trader mantém a posição por um período superior a um dia, como dias ou semanas.
  • Position Trade: os movimentos de preço no curto prazo são não considerados e o foco está nas operações que podem durar de meses a anos. 

Como é possível operar Forex no Brasil?

Como já alertamos anteriormente, a prática não é regulamentada no Brasil, portanto nenhuma instituição financeira nacional pode oferecer esse serviço.

Então, para operar no Forex Trading, você precisa:

1. Criar uma conta para transferências internacionais.
2. Abrir conta em uma corretora de valores fora do país. Antes disso, confira se ela opera Forex, se é confiável e tem as regulamentações em dia.
3. Por fim, transfira o dinheiro e aplique a quantia que deseja operar para iniciar as negociações.

Lembrando que cada empresa tem suas próprias regras e pode cobrar valores distintos de corretagem, entre outras taxas. Por isso, é importante verificar todos os detalhes e ter certeza do que está fazendo antes de se arriscar no Forex Trading.

Enfim, se você busca realizar operações de trading com segurança e potencializar os lucros das suas operações no curto prazo, participe do Clube Trader Toro

Ao se inscrever, você só recebe vantagens para as suas operações de trading. E a melhor parte: começar a usufruir dos benefícios é muito fácil. O Clube conta com 3 modalidades:

clube trader toro - modalidades

Funciona dessa forma: você libera cada vez mais benefícios à medida em que opera mais contratos. Em cada um deles, você terá diversas vantagens, como:

  • Starter: se você é Trader Starter tem acesso a benefícios como Profit Toro Trader gratuito para sempre e Assessoria especializada por WhatsApp.
  • Master: ao atingir o nível Master, você ganha todos os benefícios do Starter e muito mais, como a calculadora de Imposto de Renda integrada para ficar em dia com o leão.
  • VIP: o Trader VIP conta com todas as vantagens que você merece, incluindo canal exclusivo no Telegram com recomendações de trading em tempo real, conteúdos sobre a psicologia do trader e atendimento prioritário com a nossa Assessoria focada em Day Trade.

Faça seu cadastro e comece hoje mesmo a operar com as vantagens de ser um membro do Clube Trader Toro.

Deixe um comentário

Gostou do artigo? Deixe um comentário sobre o que achou do conteúdo!