Você já pensou em investir em vários Fundos Imobiliários de uma única só vez e entrar nesse mercado já de modo diversificado? Saiba que com os Fundos de Fundos Imobiliários (FOFs) isso é possível.

Os Fundos de Fundos são um dos os mais procurados entre aqueles que estão começando a investir nesse tipo de ativo do mercado imobiliário.

Neste conteúdo, você vai aprender o que são os Fundos de Fundos Imobiliários, como eles funcionam, como é a política de pagamento de dividendos e como escolher os melhores do mercado para incluir na sua carteira de investimentos de longo prazo

Que tal um plano de investimentos personalizado para você? Clique aqui e  invista com ajuda de experts

Tenha ajuda de experts para investir com um plano personalizado Acesse grátis e  peça o seu

O que são Fundos de Fundos Imobiliários (FOFs)?

Para início de conversa, o que são esses Fundos de Fundos Imobiliários (FOFs - Fund of Funds)? Você já deve ter ouvido falar em FIIs de papel e de tijolo, não é mesmo?

Os Fundos Imobiliários, quanto à estratégia, pode ser de um desses três tipos: de recebíveis imobiliários (papel), de imóveis físicos (tijolo) e Fundos de Fundos.

Os Fundos de Fundos (FOFs), portanto, são aqueles que aplicam o patrimônio de seus cotistas exclusivamente em cotas de outros Fundos Imobiliários (FIIs).

Isso quer dizer que, o gestor desse Fundo não utiliza o patrimônio dos cotistas para construir e explorar imóveis economicamente assim como não compra produtos do mercado imobiliário (LCIs e CRIs, por exemplo). 

Essencialmente, na prática, todo o patrimônio do FOF é direcionado a comprar cotas de outros Fundos Imobiliários (FIIs) para ganhar com sua valorização e proventos. Então, a responsabilidade do gestor será escolher e administrar essa carteira de FIIs selecionados.

Como funcionam os Fundos de Fundos Imobiliários?

Agora que você domina o conceito, vamos entender como funciona esse tipo de ativo na prática. 

✅ FUNDAMENTOS DOS FUNDOS DE FUNDOS (FOFs):

  1. Lançamento: um Fundo é constituído, define seu regulamento e lança cotas no mercado
  2. Negociação: os investidores pessoa física e jurídica adquirem as cotas do FOF na Bolsa de Valores.
  3. Montagem da carteira: com o recurso das vendas das cotas e, conforme regulamento, o gestor vai ao mercado e compra cotas de outros FIIs. Normalmente, o número de FIIs na carteira do FOF varia de 20 a 40.
  4. Administração da carteira: cabe ao gestor, então, chefiar as posições que montou e demais funções administrativas do Fundo.
  5. Distribuição dos dividendos: em um período determinado na política do Fundo, os dividendo de todos os FIIs da carteira é repartido aos cotistas de forma proporcional.


Portanto, a receita desse tipo de Fundo vem dos proventos recebidos dos FIIs que ele possui em carteira. Então, o gestor procura traçar uma estratégia para que sua carteira supere ou gere mais proventos que os FIIs do IFIX, o principal índice dos Fundos Imobiliários na Bolsa de Valores.

Fundos de Fundos Imobiliários pagam dividendos mensais?

Sim! Assim como os FIIs, os Fundos de Fundos Imobiliários (FOFs) pagam dividendos. Cabe ao Fundo determinar se os dividendos serão mensais, trimestrais ou semestrais, mas a maioria deles opta pela distribuição mensal.

Via de regra, ao menos 95% dos resultado líquido do Fundo (aquilo que sobra da receita após pagar todas as despesas e obrigações) é distribuído aos cotistas de forma proporcional. Então, ao escolher um FOF para investir, você pode comparar qual é o valor pago por cota e o dividendo yield correspondente.

Vantagens dos Fundos de Fundos Imobiliários

Entre as principais vantagens dos Fundos de Fundos Imobiliários, podemos destacar:

  • Diversificação: por meio de uma única cota de Fundo de Fundo, é possível acessar o investimento a uma carteira diversificada de FIIs. 
  • Menor risco: são considerados ativos menos arriscado, pois já a vantagem da diversificação vem incluída.
  • Porta de entrada: como são de simples entendimento e oferecem boa diversificação, são boas alternativas para quem está começando a investir em Renda Variável.
  • Praticidade: a vida do investidor fica mais fácil ao não ter que estudar e comparar vários FIIs para decidir.
  • Gestão profissional: o investidor ainda conta com a gestão profissional do FOF para administrar a carteira e mudar as posições, quando julgar necessário.

Portanto, além de serem fáceis de compreender, esse tipo de Fundo oferece um elemento a mais na diversificação do seu portfólio. Agora, basta saber como analisar e comparar cada FOF.

Como analisar e escolher Fundos de Fundos Imobiliários (FOFs)?

Assim como quaisquer outros ativos de Renda Variável, os Fundos de Fundos também possuem alguns fundamentos que devem ser observados quando o assunto é investimento no longo prazo. Os principais são: 

✅ COMO ESCOLHER FUNDOS DE FUNDOS IMOBILIÁRIOS?

  1. Composição da carteira: observar o quão completa e diversificada é o portfólio do Fundo e com que frequência ela muda.
  2. Patrimônio líquido: analisar o tamanho do patrimônio do Fundo e sua relação com a composição.
  3. Liquidez: dar prioridade no investimento nos FOFs com mais liquidez, ou seja, os mais negociados.
  4. Dividend Yield: estudar qual é o nível de remuneração do Fundo e sua regularidade. 
  5. Retorno por cota: verificar, em diferentes espaços de tempo, qual foi o retorno por cota na forma de proventos.
  6. P/VP: analisar o Preço sobre Valor Patrimonial. Caso seja menor que 1, significa que o valor de mercado do FOF é está abaixo do valor do seu patrimônio.
  7. Taxas de administração e performance: estimar o impacto das taxas cobradas pelo Fundo, se houver, na rentabilidade final.
  8. Governança: escolher FOFs bem administrados e que priorizam a entrega de valor para os cotistas.


É claro que outros fatores também podem entrar na sua análise desse tipo de Fundos, tais como o histórico do gestor, a capacidade de entregar resultados acima de um índice de referência, o desempenho no longo prazo, entre outros.

Toda a análise deve ser feita de modo a identificar os melhores Fundos de Fundos de acordo com o seu perfil de investidor (tolerância ao risco), objetivos e prazos de investimento.

Contudo, investir em FOFs não descarta a possibilidade de que você construa uma carteira de FIIs com os outros tipos disponíveis no mercado, especialmente papel e tijolo, tornando o seu portfólio mais completo e menos arriscado, além de ter maior potencial de ganhos.

Quais são os melhores Fundos de Fundos Imobiliários (FOFs)?

Quando o assunto é Renda Variável, responder esse tipo de pergunta pode apresentar diversos tipos de resposta. Você pode classificar os FOFs de acordo com os dividendos, com a valorização das cotações, pela melhor administração no longo prazo, com a carteira mais completa ou diversificada, entre muitos outros.

Então, ao procurar os melhores Fundos de Fundos para investir, defina quais são os fatores mais importantes para você nesse tipo de investimento e inicie a comparação. Mas lembre-se de que nenhum critério deve ser analisado isoladamente como forme de tomar decisões.

Exemplos de Fundos de Fundos Imobiliários

Veja, a seguir, alguns dos principais e mais populares Fundos de Fundos Imobiliários (FOFs) do mercado:

Fundo Código 
Bradesco Carteira Imobiliária Ativa BCIA11
BTG Pactual Fundo de Fundos BCFF11
BB Fundo de Fundos Imobiliários BBFO11
Brasil Plural Absoluto BPFF11
Capitania Reit FOF CPFF11
CSHG Imobiliário FOF HGFF11
Hedge Top FOFII 3 HFOF11
Kinea Fundo de Fundo KFOF11
Mogno Fundo de Fundos MGFF11
More Real Estate FOF MORE11
RBR Alpha Fundo de Fundos RBRF11
Rio Bravo IFIX RBFF11
VBI Reits FOF RVBI11
Vinci Instrumentos Financeiros VIFI11
XP Selection XPSF11


Lembrando que os Fundos apresentados neste artigo são apenas exemplos e não constituem recomendações de compra ou expressam a opinião dos Analistas da Toro.

Como investir em Fundos de Fundos Imobiliários?

Para terminar, agora que você já domina o assunto e escolheu em quais FOFs investir, basta seguir os passos do infográfico abaixo para abrir sua conta na Toro, comprar as cotas e acompanhar os resultados.

Passo-a-passo-como-investir

Em quais FOFs devo investir este ano?

Quer saber em quais ativos investir neste ano? Então confira, no link abaixo, um conteúdo especial que nosso time de Analistas preparou para você com as recomendações de BDRs, ações, Fundos de Investimentos, Renda Fixa e outros ativos para investir nos próximos 365 dias.

Com a ajuda dos nossos experts, você pode investir nos melhores ativos do mercado, contar com análises aprofundadas e fazer tudo com corretagem zero. Se você ainda não tem conta na Toro, aproveite e faça o seu cadastro agora mesmo.

Que tal um plano de investimentos personalizado para você? Clique aqui e  invista com ajuda de experts

Quais são os melhores investimentos para 2022?  Clique aqui e veja os ativos  selecionados por especialistas