O gerenciamento de riscos é de extrema importância para quem realiza operações de Day Trade. 

Afinal, você consegue controlar os ganhos e perdas evitando grandes prejuízos. Além disso, consegue ir atrás das melhores oportunidades do mercado de um jeito mais seguro e estratégico.

Por isso, neste artigo, vamos explicar o que é gerenciamento de riscos e como você pode utilizá-lo nas suas operações para garantir mais eficiência e potencializar seus lucros no Day Trade. Vamos lá?

Aproveite o melhor da Bolsa todos os dias.

Seja um trader e domine a Bolsa, todos os dias. Ver aulas grátis

O que é gerenciamento de riscos?

O gerenciamento de riscos no Day Trade são práticas que visam manter você no controle das operações, sem sofrer grandes perdas. Mesmo que seja normal passar por alguns riscos, com as técnicas adequadas você garante que sua atividade seja mais sustentável.

A gestão de riscos envolve diversos processos, como planejamento, análise, monitoramento e controle dos resultados. Assim, a finalidade principal é aumentar a exposição aos eventos positivos e reduzir a exposição aos negativos. 

Fazendo um bom manejo de riscos, você terá a oportunidade de operar com mais tranquilidade e segurança, pois mesmo que os ativos estejam em queda, os impactos serão menores.

Mas afinal, qual é a importância de fazer esse gerenciamento nas operações de trading? Vamos falar mais sobre isso no próximo tópico.

Qual é a importância do gerenciamento de riscos no Day Trade?

No Day Trade, o gerenciamento de riscos é fundamental. Afinal, quando o assunto é a Bolsa de Valores, estamos falando de negociações no curto prazo que envolvem riscos, por menores que sejam.

Para finalizar o pregão com um saldo positivo, é essencial gerenciar quais serão os possíveis riscos, certo? Com uma estratégia eficaz, é possível encontrar um equilíbrio, se adequar aos diferentes cenários e finalizar o dia com ganhos maiores do que as perdas. 

Esse método também é muito importante para diminuir o impacto emocional na tomada de decisão.

Estabelecendo o stop loss, por exemplo, é mais fácil controlar o volume e o número de contratos e posições, ajudando a reduzir as decisões tomadas no "calor do momento".

Logo, fazer um planejamento e tomar decisões acertadas pode ser o caminho para você se tornar um trader de sucesso. Para saber como chegar nesse patamar, assista ao vídeo com o Analista de Investimentos da Toro, Victor Lima:

Entenda como funciona o Day Trade ao lado de experts Acesse o curso gratuito para iniciantes 

Como fazer o gerenciamento de riscos?

Agora você já sabe o que é e qual a importância de fazer um gerenciamento de riscos. Para colocar em prática, listamos alguns passos que você pode seguir para controlar melhor suas operações de trading. Confira a seguir.

1. Entenda o mercado

O primeiro passo, sem dúvidas, é entender o mercado. Não seria possível reduzir os riscos sem entender as condições macroeconômicas, o funcionamento das operações e como os ativos se comportam, não é mesmo?

Por isso, amplie seu conhecimento e estude sobre Análise Técnica, acompanhe os índices de inflação, a cotação do dólar, as variações da taxa Selic etc. Entender o cenário econômico e os principais termos do mercado vão ajudar no seu dia a dia como trader.

Sem contar que, observando a volatilidade do dia anterior, você consegue ter mais noção de como o mercado opera, se existe alguma incerteza ou se algum ativo apresentou mudanças bruscas.

Uma boa alternativa é acompanhar as lives diárias da Toro com nossos Analistas de Investimentos, que trazem um panorama geral do mercado e as principais notícias que impactam as bolsas mundiais. Veja:

Observe o mercado em ótima companhia Participe da live gratuita e aproveite o  melhor da Bolsa ao lado de experts

2. Monte uma estratégia 

Sem um caminho bem definido, com certeza será mais complicado tomar decisões enquanto acontecem as operações. Por isso, antes de tudo, monte uma estratégia que faça sentido com os seus objetivos.

Algumas questões podem servir de pontapé inicial, como:

  • Quais indicadores você vai utilizar? (Índice de Força Relativa, MACD, Bandas de Bollinger etc).
  • Quais empresas ou ativos despertam seu interesse?
  • Já definiu os limites de perdas e ganhos?
  • Analisou os preços dos ativos ou derivativos que você pretende operar?
  • Vai operar vendido ou comprado? 
  • Se for operar no Mercado Futuro, já definiu a composição das operações estruturadas?
  • Leu as notícias e acompanhou as variações do mercado nos últimos dias?

No Day Trade, é normal se levar pelas emoções e tomar decisões que podem trazer impactos negativos no seu bolso. Por isso, mapear tudo o que você pretende fazer é essencial para evitar erros e ajudar a manter o foco.

Na fase de planejamento de estratégia, considere também quais foram os custos envolvidos nas operações, estipule suas metas de lucro e tenha em conta a projeção de variação do mercado. Essas informações ajudam a ter uma ideia de quanto você precisará alocar em cada operação para conquistar os seus objetivos.

Onde investir dinheiro hoje

3. Defina o stop gain e o stop loss

Quando falamos em limites de perdas e ganhos, podemos citar especificamente o stop loss e o stop gain

Um bom gerenciamento de riscos inicia com o stop loss, isto é, uma ordem disparada de forma automática quando os ativos atingem o limite de perda que você estabeleceu no começo da operação.

O stop loss deve ser definido antes de começar e nunca durante uma operação. Se você for alterando o stop no meio do processo, pode perder muito mais do que esperava. Esse mecanismo é fundamental para impedir prejuízos e manter você no controle da situação.

Da mesma forma, o stop gain é a sua meta de ganhos para o dia. Ele age como uma espécie de controle contra impulsos, para você não continuar operando após obter os resultados planejados. 

Então, se o seu objetivo for alcançado, o stop gain encerra sua posição e evita que você perca resultados positivos que foram acumulados durante uma operação. 

Por exemplo: uma determinada ação sobe 4% em um período. Algum tempo depois, ela cai 2%. Se você definiu o stop gain para 4%, sua posição é encerrada e você consegue lucrar. Caso não tenha definido esse valor previamente, você pode encerrar sua posição após essa queda, diminuindo o lucro para 2%. 

Em resumo, sempre estipule limites para perdas e ganhos. Isso vai garantir que você consiga passar pelas variações do mercado sem dor de cabeça. 

4. Estipule um limite para a quantidade de operações abertas

Lembre-se que operações de Day Trade requerem foco e estratégia. Por isso, é recomendado limitar o número de operações abertas em ativos diferentes. 

Se você for iniciante, tome esse cuidado extra. Comece aos poucos e deixe somente a quantidade de ativos que você consiga gerenciar simultaneamente. Estipule um número máximo (5, por exemplo) e mantenha sua atenção voltada para aquelas operações específicas.

Caso você seja mais experiente, é mais fácil gerenciar diversos ativos ao mesmo tempo. Porém, mesmo assim, o recomendado é evitar muitas operações abertas para reduzir a exposição da estratégia a fatores emocionais.

5. Entenda a importância do controle emocional

Pode parecer algo básico, mas entender a importância do controle emocional é indispensável para fazer uma boa gestão de riscos.

É normal se frustrar quando as suas expectativas não se concretizam, especialmente nas operações de Day Trade. Entretanto, ser capaz de controlar as emoções pode ser de grande ajuda, principalmente nos momentos mais turbulentos da Bolsa de Valores.

Por isso, busque manter a calma, elabore uma estratégia condizente com seus objetivos e estipule limites, tanto para quantidade de ativos quanto para seus ganhos e perdas. Desse modo, você consegue concretizar seu planejamento e evitar grandes prejuízos. 

6. Utilize boas plataformas de trading

Para um gerenciamento de riscos eficiente, as plataformas de trading são peças-chave para o sucesso. 

Boas plataformas de trading tornam viável a coleta de informações, possibilitam o envio de ordens de compra e venda e te ajudam na tomada de decisão.

Aqui na Toro, você tem acesso às melhores plataformas 100% gratuitas e com Corretagem Zero.

Então, se você busca uma plataforma fácil de usar para acompanhar os movimentos do mercado, o Profit Toro Trader é uma opção 100% grátis que traz recursos essenciais para traders.

Você pode aplicar estratégias avançadas de Análise Técnica utilizando gráficos de periodicidades clássicas para o intraday, diversos indicadores e estudos gráficos.

Veja como é fácil de usar:

Opere a partir de 1 minicontrato de índice ou de dólar para ativar a plataforma por 30 dias. Após este período, em caso de inatividade, sua plataforma será pausada sem qualquer tipo de cobrança. Reative grátis quando quiser.

 

E se você vai criar um plano para gerenciar riscos, existe também o ambiente de simulação, onde é possível efetuar Backtesting para experimentar variadas estratégias de trading. Assim fica bem mais fácil conferir se o seu planejamento funciona, não é mesmo?

Outra vantagem é a Corretagem Zero e co-location DMA4 em todas as operações da Toro com ou sem RLP ativo.

Então, se você quiser um bom gerenciamento de riscos e vencer no Day Trade, aproveite para testar a plataforma gratuita da Toro. 

Toro Trader Mobile

Aproveite o melhor do mercado com plataformas profissionais Acesse grátis e escolha a sua