Aprenda tudo sobre a Bolsa de Valores com a série da Toro: Como começar a investir na Bolsa

Se você quer aprender como investir dinheiro com segurança, saiba que uma das formas de se proteger é diversificando seus investimentos. Se você não entende muito bem como isso funciona, sem problemas.

Aprenda agora como montar sua carteira de ações para aumentar as chances de ter bons resultados e proteger seu dinheiro das possíveis mudanças de cenário. Entenda isso e muito mais no nosso 10º artigo da série: Como começar a investir na Bolsa.

O que é uma carteira de ações?

Antes de começarmos a falar sobre como construir a sua, precisamos entender o que é uma carteira de ações, certo? Uma carteira de ações nada mais é do que um conjunto de ações que você escolheu para compor seu portfólio de investimentos.

Essa composição depende muito dos objetivos que você quer alcançar, do seu perfil de investidor e, claro, das ações mais interessantes no momento. Assim sendo, na hora de montar sua carteira de ações a sua estratégia também deve ser bem definida.

Você pode construir sua carteira de acordo com o prazo de investimento de sua preferência, por exemplo:

  • Operações de curto prazo - Se você quiser focar no curto prazo na hora de montar sua carteira, uma boa ideia é escolher ações com maior volume de negociação na Bolsa de Valores. Assim, você não terá problemas em encontrar pessoas interessadas em comprar e vender essas ações com rapidez. Mas vale lembrar que investir no curto e curtíssimo prazo (day trade) exige agilidade e muita estratégia, pois é uma modalidade que oferece mais riscos.
  • Carteira de ações de médio prazo - Para uma carteira de ações nesse prazo, uma dica é buscar ações de empresas que movimentam altos volumes diariamente, mas que apresentem perspectivas interessantes identificadas nas análises do mercado. Vale também considerar a possibilidade de adicionar à sua carteira de médio prazo algumas das ações small caps com boas perspectivas de valorização nesse período.
  • Carteira de ações de longo prazo - Quem busca investir nesse prazo, muitas vezes tem interesse em construir e aumentar seu patrimônio pensando em empresas com bons fundamentos. Portanto, ações sólidas e que oferecem boa perspectiva de valorização lá na frente podem ser bem interessante. Além, é claro, daquelas que pagam dividendos frequentemente.

Esses são alguns exemplos de como você pode montar a sua carteira de ações com foco no prazo do seu interesse. No fim das contas, o mais importante é respeitar o objetivo principal de uma carteira de ações: render bem e proteger seu dinheiro.

E como fazer isso? Diversificando. Isto é, não aplicando tudo que você tem disponível para investir em apenas uma ação. Desse modo, você pode conseguir ganhos maiores do que teria se deixasse o dinheiro todo em uma única ação e ainda minimizar os riscos comuns desse mercado.

Veja no vídeo como essa diversificação é importante:


Diversificar sua carteira de ações faz parte da estratégia de todo investidor inteligente. Até porque, mesmo analisando detalhadamente o mercado, não é possível prever com 100% de acerto o que vai acontecer no futuro, concorda?

Então, caso haja uma mudança no cenário que você estava esperando, é muito melhor perder apenas uma pequena parte do dinheiro investido do que ele todo. Já pensou se você investir todo o seu capital em somente uma ação?

Essa ação pode ter boas perspectivas de subir no prazo do seu interesse, no entanto, algo inesperado acontece e o resultado que você esperava não acontece.

Com seu dinheiro dividido em diferentes ações, esse prejuízo pode ser bem menor.

Além disso, há a chance de outra ação da sua carteira ter tido um resultado melhor do que você havia planejado e conseguir cobrir as perdas. É por isso que montar uma carteira de ações bem estruturada é tão importante.

Não sabe por onde começar? Sem problemas. Aqui na Toro, você pode montar a sua carteira gratuitamente, levando em consideração o seu perfil de investidor. Você responde a um questionário rápido online e em poucos minutos já sabe qual o seu perfil e quais investimentos são mais indicados para você.

Monte grátis sua carteira de investimentos. Teste grátis

Carteira de ações recomendada vale a pena?

Talvez já tenha se deparado com o termo “carteira recomendada” entre as suas leituras sobre o mundo dos investimentos. Mas você sabe qual a diferença entre uma carteira de ações e uma carteira recomendada?

Diferentemente de uma carteira de ações, que você monta de acordo com seus objetivos e suas necessidades específicas, uma carteira recomendada é construída por uma equipe de profissionais ligados a uma corretora de valores ou empresa de análise de investimentos.

O objetivo central das carteiras recomendadas é indicar quais investimentos tendem a ter um melhor desempenho em determinado prazo ou cenário, seja político, econômico, ou outro mais relevante do momento.

A performance dessa carteira costuma ser comparada ao desempenho do Ibovespa no período. Isto é, o desafio é sempre buscar uma rentabilidade acima do índice mais importante da Bolsa brasileira.

As carteiras recomendadas por um profissional são muito interessantes porque ajudam a entender melhor o mercado.

As ações e outros ativos recomendados para investir normalmente vêm acompanhados de um relatório que explica o porquê de cada um deles ser um bom investimento naquele momento.

Entre as carteiras recomendadas mais comuns estão as carteiras de ações mensais, em que ações de empresas com boas perspectivas de valorização são indicadas para um determinado mês.

Dessa forma, a proposta é iniciar os investimentos nas ações recomendadas no começo do mês e encerrá-los no final. É claro que, se acontecer alguma mudança de cenário durante o período, pode haver um encerramento antecipado ou até mesmo a troca da ação por outra mais interessante antes mesmo do mês acabar.

Outra questão que precisamos lembrar é que seguir uma carteira recomendada deve ser feito respeitando sempre seu perfil de investidor, ok? Caso tenha alguma dúvida quanto a isso, não hesite em pedir ajuda a um profissional.

Carteira de ações recomendada da Toro

Aqui na Toro, nossa equipe de especialistas também realiza mensalmente a construção de uma carteira de ações recomendada. Como dissemos, o objetivo dessa carteira é superar a performance mensal do Ibovespa.

A carteira recomendada da Toro é composta de, no mínimo, 5 ativos e a sugestão aplicar 20% do seu capital em cada um deles.

O método de escolha dos investimentos que compõem a carteira recomendada segue uma estratégia baseada em análise técnica realizada pela nossa equipe de experts.

Portanto, os investimentos sugeridos pelos especialistas da Toro são reavaliados e remanejados, pelo menos, uma vez por mês. Caso ocorra alguma mudança de cenário, a estratégia pode ser revista mais vezes.

Confira abaixo o desempenho da carteira de ações recomendada pelos nossos analistas e veja a comparação com o Ibovespa:

carteira-recomendada-toro

Gostou dos resultados? Que tal saber mais sobre a nossa carteira recomendada?

Conheça a carteira recomendada da Toro.
Acesse grátis

Como montar uma carteira de ações vencedora?

Agora que você entendeu o que é uma carteira de ações e como ela funciona, chegou a hora de colocar a mão na massa para aprender como montar uma boa carteira de ações. Veja só o passo a passo:

1. Definir objetivo

Antes de pegar a estrada é sempre bom saber onde quer chegar, certo? Aqui a ideia é a mesma. Para começar a investir, é importante que você estabeleça quais objetivos pretende conquistar.

Pare para refletir: por que você está investindo? Para comprar a casa própria? Para seus filhos estudarem nas melhores escolas? Para viajar o mundo todo? Para garantir uma aposentadoria tranquila? Defina bem quais conquistas deseja realizar para poder seguir em frente.

2. Identificar seu perfil de investidor

O segundo passo é saber qual é o seu perfil. Isso tem tudo a ver com os objetivos que você deseja alcançar e também com a sua tolerância ao risco. Já falamos várias vezes, mas não custa repetir: o investimento ideal para você pode não ser o mais adequado para o seu irmão.

3. Estudar a dinâmica do mercado

Quando o assunto é investimento, conhecimento nunca é demais. Isso não quer dizer que você precisa ter um diploma em Economia para se dar bem. Mas entender como o mercado funciona ajuda bastante na hora de estruturar sua estratégia e diminuir a frustração caso algo não ocorra da forma como você esperava.

4. Encontrar boas ações

Esse é o passo mais importante e talvez o mais desafiador. Encontrar ações com boas perspectivas de negócio não é uma tarefa simples, mas também não é impossível de ser feita.

Para encontrar oportunidades de negócio interessantes, de acordo com seu perfil e objetivos, nada de contar somente com a sorte, ok? Utilize os dados que o mercado apresenta e analise o gráfico de preço das ações para definir quais delas são legais de investir no momento.

5. Diversificar entre setores

Lembra que falamos que não é bom aplicar todo o seu dinheiro em apenas um lugar? Uma boa dica para proteger seus investimentos e aumentar as chances de ter bons resultados é escolher ações de empresas de setores diversos.

A diversificação da sua carteira
de ações é fundamental.

Ou seja, escolher por exemplo uma ação do setor de construção civil, outra ligada à siderurgia, outra de um banco, mais uma de varejo, e por aí vai. É lógico que estamos dando um exemplo. O que vale mesmo é decidir quais setores são mais interessantes após fazer uma análise do momento atual.

6. Acompanhar e redefinir a estratégia, quando necessário

Pensou que era só aplicar uma vez e esquecer do seu dinheiro? Nada disso. É muito importante que você acompanhe de perto o desempenho da sua carteira de ações. E caso algo não esteja indo conforme o esperado, reavalie sua estratégia e faça ajustes.

Se não se sentir confortável em fazer tudo isso por conta própria, pode contar com a gente. Aqui na Toro você pode fazer perguntas diretamente a um assessor de investimento. Estamos sempre dispostos a te ajudar no que precisar.

Converse com nossos assessores certificados.
Tire suas dúvidas agora

Dicas para cuidar da sua carteira de ações

Você já sabe como montar uma carteira de ações, certo? Mas antes de finalizar este artigo temos algumas dicas para continuar no caminho de sucesso com seus investimentos. Veja só:

Acompanhe sempre o mercado

Já falamos logo ali em cima, mas vale sempre falar mais uma vez: entender como o mercado funciona é muito importante. Quanto mais você aprender sobre ele, mais experiência e confiança para investir você vai obter.

Esse aprendizado também tudo
a ver com se manter atualizado
sobre o que anda acontecendo.

Você sabe que a Bolsa de Valores é formada por pessoas, certo? E que o preço de uma ação é diretamente influenciado pelo interesse (ou falta dele) por aquela ação.

Por exemplo: se uma empresa divulga seus resultados trimestrais com lucros bem acima do esperado, pode ser que suas ações se valorizem por um momento. Portanto, saber o que anda acontecendo no Brasil e no mundo é um ótimo hábito para conseguir encontrar boas oportunidades de investimento.

Fique de olho nos seus investimentos

Também já chegamos a falar sobre isso, mas podemos repetir sempre porque essa atitude é realmente muito importante. Muitas pessoas se frustram porque investem e deixam seus investimentos de lado. Aí, quando se lembram de checar como andam as coisas, descobrem que não alcançaram os resultados esperados.

Então, surge aquela velha história de que investir na Bolsa de Valores não vale a pena porque é muito imprevisível. Só que não é bem assim. A Bolsa flutua bastante e é essa movimentação que abre janelas de oportunidades excelentes. A questão é saber a hora certa de entrar e também de sair dessas oportunidades.

Se você deixar suas aplicações à mercê da própria sorte, há grandes de chances de ter perdas significativas.

Por isso é que acompanhar de perto os seus investimentos é tão importante. Mas se você utilizar ferramentas para acompanhar seu desempenho e também para se preparar para mudanças repentinas de cenário, é bem provável que a frustração será menor.

Você pode dizer agora que não tem tempo de ficar olhando o mercado minuto a minuto. E tudo bem. Com as nossas oportunidades recomendadas, você pode contar com a ajuda dos especialistas da Toro para saber a hora de comprar ações com boas chances de valorização e ter seu investimento encerrado automaticamente.

Conte a ajuda de profissionais

E se você gostou de saber que pode contar com nosso time de experts para saber a hora certa de comprar ou vender uma ação, saiba que pode entrar em contato conosco sempre que tiver uma dúvida.

Muitas pessoas aprendem errando, e tudo bem. No entanto, quando o assunto é dinheiro, errar pode custar muito caro.

Contar com a ajuda de profissionais pode ser o diferencial que faltava para você alcançar os resultados que tanto deseja.

Além de te ajudar a esclarecer algumas questões, você também pode colocar a primeira dica que demos neste tópico em prática com a Toro: aprender a se tornar um investidor de sucesso.

Nossos cursos gratuitos e interativos podem te dar ensinamentos preciosos. E você não precisa nem sair de casa e nem pagar nada para aprender com a gente.

Aprenda a investir com quem realmente entende do assunto.
Veja cursos gratuitos



Leia outros artigos da nossa série: