Um dos indicadores mais populares da Análise Técnica é o On Balance Volume (OBV), que ajuda a identificar a direção do fluxo do volume. 

Também chamado Saldo de Volume, sua principal função é medir o fluxo positivo e negativo do volume de um ativo em relação ao seu preço ao longo de um determinado período.

Continue a leitura para entender melhor como ele funciona, como fazer o cálculo desse indicador e conferir quais são os benefícios do OBV na Análise Gráfica.

Nova call to actionInvista nas melhores oportunidades da Bolsa com poucos cliques. Veja agora

O que é o OBV? 

O On Balance Volume (OBV), ou Saldo de Volume, é um indicador da Análise Técnica que utiliza o fluxo de volume para antecipar mudanças no preço das ações. Essa métrica foi criada em 1963 por Joseph Granville e publicada no livro Granville's New Key to Stock Market Profits.

Granville acreditava que o volume é a principal força que guia o mercado. Assim, ele criou o indicador para projetar quando ocorreriam grandes movimentos nas ações, baseando-se nas mudanças de volume. 

A definição do livro de Granville é que as estimativas geradas pela OBV eram como “uma mola sendo enrolada com força”. Então, se o volume aumentar consideravelmente sem grandes mudanças no preço da ação, o valor pode tanto subir como despencar. 

A seguir, veja o gráfico que representa esse indicador (linha roxa):

on balance volume OBV

O OBV, inclusive, foi um dos primeiros indicadores de medida de fluxo positivo e negativo de volume.

Mas afinal, como realizar o cálculo do OBV? Continue a leitura para saber mais detalhes.

Nova call to action

Observe o mercado em ótima companhia Participe da live gratuita e aproveite o  melhor da Bolsa ao lado de experts

Como calcular o OBV?

Esse indicador fornece uma totalidade do volume de negociação de um ativo, mostrando se este está entrando ou saindo de um determinado título. Em outras palavras, o OBV é um total cumulativo de volume (positivo e negativo).

Existem 3 regras utilizadas para calcular o On Balance Volume:

  •  Se o preço de fechamento de hoje for maior que o preço de fechamento de ontem, então: OBV atual = OBV anterior + volume de hoje.
  • Se o preço de fechamento de hoje for menor que o preço de fechamento de ontem, então: OBV atual = OBV anterior — volume de hoje.
  • Se o preço de fechamento de hoje for igual ao preço de fechamento de ontem, então: OBV atual = OBV anterior.


Portanto, o OBV é apenas um cálculo ajustado a cada período, dependendo da quantidade de volume e direção do preço do ativo.

Para entender na prática como ele funciona, considere uma ação hipotética cujo preço de fechamento começa em US$10 e, após 8 dias, encerra em US$10,21. A tabela a seguir mostra as alterações do volume do preço por dia.

Dia Preço de fechamento Volume
1 US$10 25.300 ações
2 US$10,16 31.000 ações
3 US$10,18 25.700 ações
4 US$10,12 33.000 ações
5 US$10,10 22.000 ações
6 US$10,17 42.000 ações
7 US$10,21 37.000 ações
8 US$10,21 20.600 ações


Observe que como 2, 3, 6 e 7 são dias de alta, esses volumes de negociação são adicionados ao OBV. Os dias 4 e 5 são de baixa, por isso, esses volumes de negociação são subtraídos do OBV. No dia 8, nenhuma alteração é feita, pois o preço de fechamento não mudou.

Considerando esses dados, o On Balance Volume para cada um dos dias será:

Dia OBV
1 0
2 0 + 31.000 = 31.000
3 31.000 + 25.700 = 56.700
4 56.700 — 33.000 = 23.700
5 23.700 — 22.000 = 1.700
6 1.700 + 42.000 = 43.700
7 43.700 + 37.000 = 80.700
8 80.700


Bem simples de calcular, certo? Agora vamos conferir quando é o momento de utilizar o Saldo de Volume.

Nova call to action

Cursos, e-books, vídeos, relatórios… tudo isso grátis para você Acesse agora

Quando utilizar o Saldo de Volume?

Como vimos, a ideia por trás do indicador OBV é que o volume precede os movimentos de preços.

📉 Se o volume está diminuindo quando o preço de um título sobe, é sinal de aumento da pressão vendedora. Logo, se essa configuração continuar, o preço vai cair.

📈O oposto é verdadeiro com o aumento de volume, mostrando um sinal da pressão compradora.


Assim, o foco deste indicador deve estar na tendência. 

Vale ressaltar que o valor real do OBV não é fundamental, visto que inclui uma grande quantidade de dados passados e não há comparação relativa entre o OBV de um título com outro.

Ao observar a tendência recente de On Balance Volume, é possível checar se a pressão compradora está aumentando ou diminuindo e confirmar uma tendência ou divergência.

Além disso, o OBV se movendo na mesma direção da tendência sinaliza uma força do movimento. O contrário sinaliza que a tendência existente está se enfraquecendo e poderá se reverter.

Por exemplo: quando o volume não aumenta por vários dias numa tendência de alta, é sinal de que a pressão compradora está enfraquecendo. Então, é improvável que a tendência de crescimento se sustente por muito tempo.

Para ajudar a confirmar uma inversão da tendência de preços, é possível adicionar a média móvel de 20 períodos ao OBV. Quando ele cruza a média móvel de 20 períodos, o sinal de divergência de uma reversão de tendência é confirmado.

Além disso, uma das grandes vantagens do Saldo de Volume é que ele permite que outros elementos da Análise Técnica sejam utilizados em seu gráfico, como suportes e resistências. Eles podem ser usados tanto para gráficos de preços como de volume.


Em resumo, o OBV facilita bastante a vida de quem opera em Day Trade, já que mede o preço e volume juntos. Embora existam outros métodos para calcular o volume, a facilidade de compreensão e utilização são fatores que popularizaram esse indicador.

Agora que você já conhece o conceito de Saldo de Volume, aproveite para conhecer a melhor plataforma para Day Trade. Assista ao vídeo com o Analista de Investimentos da Toro, Victor Lima:

Quer ter o Profit grátis para sempre?  Clique aqui e vença na Bolsa com a  melhor ferramenta do mercado