Quem nunca sonhou em organizar a vida financeira de uma vez por todas? Saiba que essa é uma meta alcançável para quem controla a forma como gasta o próprio dinheiro. Afinal, o controle de gastos é útil para muitos fins: investir e ter retorno financeiro, criar uma reserva de emergência, comprar um imóvel e muito mais.

Pensando nisso, criamos este texto para mostrar a você como fazer um bom controle de gastos pessoais. Assim, será possível aproveitar os inúmeros benefícios que essa prática traz.

Qual a importância de manter um controle de gastos organizado?

Antes de tudo, pense no seu guarda-roupa. Para organizá-lo e facilitar sua rotina, o ideal seria separar as roupas de frio das de calor, colocar as roupas íntimas e meias em gavetas acessíveis, pendurar peças delicadas em cabides e assim por diante.

Essa organização dá um certo trabalho no começo, mas faz com que você "ganhe" vários minutos por dia. Afinal, você saberá em qual parte do armário fica sua camiseta favorita. Sem contar que as roupas não ficarão amassadas ou perdidas, porque você estabeleceu um controle sobre elas.

Essa mesma lógica vale para os gastos mensais. Se você não controlá-los, não saberá para onde vai o seu dinheiro.

Pior ainda: sem controlar gastos, você dificilmente organizará suas finanças pessoais para fazer aquela viagem ou comprar o carro que você tanto quer.

Vale lembrar que, por menor que um gasto seja, ele deve ser sempre considerado em seu planejamento financeiro. Então, nada de ignorar aquela balinha comprada depois do almoço, só porque ela custou alguns centavos. Nessas horas, todo dinheiro gasto conta.

Aprenda a criar o seu futuro com investimentos. Curso grátis

Mas como manter o controle diário das despesas?

Agora que você já entendeu quão importante é saber como realizar um controle de gastos, é hora de ver como fazer isso na prática. Um jeito bastante simples de controlar suas despesas diariamente é fazendo anotações no celular ou usando aplicativos de controle financeiro. Caso prefira métodos mais tradicionais, também é possível anotar tudo em um caderninho ou em uma planilha.

Para isso, lembre-se de sempre pedir a
nota fiscal de tudo o que você compra.

É fundamental dar um jeito de registrar esses custos na hora ou logo em seguida, ok? Assim, você não se esquecerá das transações que fez no dia e vai poder fazer seu controle de gastos mensais de forma mais organizada.

Quais os melhores aplicativos para controle de gastos?

No tópico anterior, citamos a possibilidade de usar aplicativos para facilitar o seu controle financeiro pessoal. Existem muitos disponíveis no mercado e eles podem te auxiliar bastante a manter suas contas organizadas. Veja 3 opções de aplicativo para controle de gastos logo abaixo:

Organizze


O Organizze chama a atenção por ser muito fácil de usar. Nele, você pode registrar tudo o que entra e sai de sua conta. Para utilizá-lo, não é necessário ter internet a todo momento — o app salva todas as informações inseridas e as transfere para a nuvem assim que uma conexão é estabelecida.

Pode ser usado gratuitamente, mas também oferece um plano pago, com mais recursos. Está disponível para Android e para iOS.

Mobills


No Mobills, você pode criar metas, sonhos e até mesmo detectar quais são seus maiores gastos: alimentação, contas de luz e internet, etc. Além disso, também é possível dividir seu patrimônio em contas específicas — essa funcionalidade é ideal para montar uma reserva de emergência, por exemplo.

Também tem um plano pago e um gratuito. Pode ser utilizado em Android, iOS e Windows Phone.

Meu Dinheiro


Com o Meu Dinheiro, você controla não apenas os seus gastos diários, mas também seus investimentos e aplicações. Também há como registrar suas metas, estipular receitas e afins. É gratuito, mas também disponibiliza um plano pago opcional. É possível baixá-lo em Android e em iOS.

Passo a passo para realizar o controle de gastos pessoais

Quer mais uma ajudinha para começar a cuidar das finanças? Veja só algumas etapas importantes deste processo:

1. Anote todos os seus gastos


Como dissemos, essa é uma prática fundamental para controlar gastos pessoais. Você pode usar algum dos aplicativos sugeridos acima ou uma planilha para controle de gastos.

Para ter efetividade nesse passo, faça disso um hábito: gastou, anotou. Assim, você dificilmente se esquecerá de alguma compra que fez, independentemente de ela ter custado R$1,00 ou R$500,00.

2. Organize as despesas e alinhar por categorias


A correria do cotidiano faz com que não tenhamos tempo para quase nada, não é mesmo? De qualquer forma, separe uns minutinhos no fim do mês para organizar as despesas.

Aqui, a ideia é alinhá-las por categorias, como alimentação, diversão, extras, estacionamento, carro, saúde, etc. Essa etapa pode ser um pouco chata no começo, mas logo você se acostumará. Não se esqueça: todo gasto deve ser registrado e pertencer a uma categoria.

3. Identifique para onde o dinheiro está indo e tenha mais atenção aos gastos


Depois de um tempo executando os dois primeiros passos, você poderá saber para onde o seu dinheiro está indo. Afinal, será mais fácil analisar se você está gastando mais do que deveria com alimentação, com transporte ou com o plano de televisão a cabo, por exemplo.

Preso na poupança? Aprenda a encontrar o melhor investimento. Curso grátis

Aprenda a poupar e investir seu dinheiro

Após controlar as finanças, o próximo passo é economizar para investir. Dessa forma, você poderá levar uma vida financeira organizada, e este é o primeiro estágio para ter um futuro tranquilo e poder realizar seus sonhos. Portanto, defina alguns objetivos a serem alcançados.

Pense no que você mais deseja: conhecer outro país, ter uma casa na praia, adquirir um automóvel de luxo, fazer um curso, etc.

Depois, tire o dinheiro da Poupança e escolha uma aplicação que tenha um rendimento mais interessante. Caso você não entenda muito do assunto, saiba que existem muitos artigos e até mesmo cursos gratuitos sobre investimentos na internet.

Basta ter vontade de aprender e começar a investir. Em pouco tempo, você saberá mais sobre ações, taxas, títulos públicos do Tesouro Direto e afins. Após economizar e fazer com que seu dinheiro renda mais, você poderá colher os frutos de sua organização.

Afinal, vai chegar a hora em que você vai poder desfrutar de todos os benefícios do controle de gastos que você fez. Você finalmente vai poder realizar seus sonhos e levar uma vida com mais conforto e qualidade de vida. Que tal começar agora mesmo?

Aprenda a criar o seu futuro com investimentos. Curso grátis