<img height="1" width="1" src="https://www.facebook.com/tr?id=1270325969674259&amp;ev=PageView &amp;noscript=1">
By Equipe Toro Investimentos • Agosto 10, 2017

Rendimento poupança - Veja os juros da poupança hoje e histórico

Entenda o rendimento mensal da Poupança, suas taxas e juros


O rendimento da Poupança é baixo
|Se você entender como funciona o rendimento da poupança, vai perceber que é hora de cuidar melhor do seu dinheiro.

Provavelmente você soube o que é poupança a vida toda. Durante muito tempo nós fomos ensinados a usá-la como forma de cuidar do nosso dinheiro, mas essa não é mais a realidade. Se você entender como funciona a poupança, ou melhor, como funciona o rendimento da poupança, vai perceber que é hora de cuidar melhor do seu dinheiro.

Por isso, nesse artigo você entenderá:

  • O rendimento da poupança
  • Quanto é o juros da poupança hoje
  • O histórico mensal e anual da caderneta
  • Quais são os investimentos melhores que a poupança

Como funciona o rendimento da poupança?


Você sabe que a rentabilidade da caderneta é calculada mensalmente sobre o valor depositado em sua conta. A data de pagamento dos juros é a data de aniversário. Essa data pode ser o dia do mês em que a conta foi aberta ou a data do depósito realizado. Sendo assim, se você fizer vários depósitos ao longo do mês, você pode ter várias datas de aniversário diferentes.

Agora, se a data de aniversário cair nos dias 29, 30 ou 31 do mês, o dia considerado será o 1º dia do próximo mês. A remuneração será depositada na data de aniversário, ao final do período de rendimento, que pode ser:

  • Mensalmente: Para depósitos feitos por pessoa física ou entidade sem fim lucrativo.
  • Trimensalmente: Para os demais depósitos.

Como calcular o rendimento da poupança?


Entenda como calcular o rendimento da poupança
| O rendimento da poupança hoje é baixo, independente do banco, com uma taxa de 0,5% ao mês mais a Taxa Referencial.

Desde 1861, a caderneta tinha um rendimento assegurado em, pelo menos, 6% ao ano. Mas, em 2012, o governo alterou as regras de remuneração da poupança com a intenção de diminuir os juros. Desde então, ela é formada por duas partes:

1) A remuneração básica

Essa parte é composta pela TR (Taxa Referencial), uma taxa calculada diariamente pelo Banco Central. Independente do banco, a Taxa Referencial é a mesma, portanto a remuneração básica é igual para todos os bancos.

Veja a Taxa Referencial atual, mensal e sua série histórica
Tabela TR



2) A remuneração adicional

Essa parte da rentabilidade depende da Taxa Selic, a taxa básica de juros da economia no Brasil. Seu valor poderá ser de:

  • 0,5% ao mês - quando a meta da Taxa Selic for superior a 8,5%
  • 70% da meta anual da Taxa Selic - quando ela for igual ou menor que 8,5%

Portanto, a remuneração adicional também é igual para todos os bancos, porque sua base de cálculo é a mesma.

Veja a Taxa Selic mensal dos últimos anos
Taxa Selic atual

 

Observando essa forma de cálculo, você pode concluir que:

O rendimento da poupança hoje é baixo, independente do banco onde você aplica. Com uma taxa de 0,5% ao mês mais a Taxa Referencial (TR), calculada pelo Banco Central, a rentabilidade anual da caderneta é prejudicada pela inflação. Desde 2010, esse rendimento não chega a 2% de retorno real.


Inflação e Retorno real? Calma, a gente explica


Retorno real dos juros da poupança| Os juros da poupança são muito baixos quando descontamos a inflação.

Você já deve ter ouvido falar sobre alta da inflação ou que a inflação prejudica seu dinheiro. Ela representa o quanto os produtos e serviços básicos da população ficaram mais caros em relação ao mês anterior. Ou seja, o quanto o custo de vida aumentou.

Se seu dinheiro não acompanha esse aumento, isso quer dizer que você poderá comprar uma quantidade menor de produtos. E é por isso que a caderneta não é um bom investimento: os juros da poupança são muito baixos quando descontamos a inflação.

Isso é o retorno real, o que o investimento rendeu acima da inflação. Já a rentabilidade total, sem descontar a inflação, é chamada de retorno absoluto ou retorno nominal.

Por exemplo: o retorno absoluto da caderneta em 2016 foi de 8,30%. Descontando a inflação, o retorno real foi de apenas 1,89%. Esse é o rendimento que realmente faz diferença no seu dinheiro, mas ele é muito baixo.


Veja como essa diferença foi grande ao longo dos últimos anos, apresentando, até mesmo, um retorno real negativo nos anos de 2002 e 2015:

Rendimento poupança histórico

Continue lendo o artigo e você verá uma tabela completa da série histórica do rendimento da poupança, com o retorno real e o retorno absoluto.

Entenda melhor a inflação e como ela afeta seu dinheiro
Inflação acumulada


Poupança declara Imposto de Renda?


Onde declarar rendimentos da poupança?| A poupança declara Imposto de Renda na parte de Rendimentos Isentos Não Tributáveis.

Por ser um investimento isento, muitas pessoas têm essa dúvida, mas a poupança declara Imposto de Renda sim. E esse é um ponto que confunde os investidores. Afinal, se a Caderneta é isenta, onde declarar rendimentos da poupança?

Os rendimentos da caderneta serão declarados na parte de Rendimentos isentos e não tributáveis. Você só precisa selecionar o código do seu banco e preencher os dados que ele te envia no informe anual de rendimentos.

Essa declaração é super simples e não tem nenhuma taxa a ser paga.

Saiba como declarar o Imposto de Renda dos seus investimentos
guia-do-imposto-de-renda-descomplicado

Quanto é o juros da poupança hoje?


Como você viu anteriormente, a Taxa Selic tem grande influência na rentabilidade da poupança. Nos últimos anos, essa taxa tem ficado acima do patamar de 8,5%, então, normalmente, os juros da poupança são de 0,5% somados à Taxa Referencial.

Mas você não precisa ficar calculando estes valores. Logo abaixo, mostraremos a tabela de rendimento poupança mensal de 2017, assim como sua série histórica anual.

Além disso, se você deseja fazer uma simulação da poupança, o Banco Central disponibiliza uma calculadora, chamada Calculadora do Cidadão.

Para fazer este cálculo através dela, basta selecionar a regra de correção da poupança, anterior ou posterior à mudança de 2012, e preencher:

  • A data inicial
  • A data final
  • E o valor a ser corrigido

Correção Poupança - Calculadora do Cidadão

Essa é uma simulação muito simples e você poderá ver o rendimento acrescentado, assim como o valor final do dinheiro corrigido.

Simulação Poupança - Rendimento

Agora, lembra que falamos sobre o retorno absoluto e o retorno real da Caderneta? Veja abaixo as tabelas completas de rendimentos da poupança e como a rentabilidade real da caderneta é baixa.

Rendimento poupança mensal 2017


Acompanhe os juros da poupança atualizados mês a mês:

Rendimentos Poupança 2017
Mês Retorno Absoluto (%) Retorno Real (%)
Janeiro 0,67 0,29
Fevereiro 0,53 0,20
Março 0,65 0,40
Abril 0,50 0,36
Maio 0,58 0,27
Junho 0,55 0,78

Fonte: Banco Central

Rendimento poupança anual - Histórico


Frequentemente você pode se deparar com notícias sobre melhoras no rendimento da poupança, mas não se engane. Isso não quer dizer que ela tenha voltado a ser o bom investimento que foi há muitos anos - até a década de 90, por exemplo.

Você pode até se impressionar com o rendimento surpreendente de 1995, quando a caderneta rendeu juros de 40,38%. Porém este era um cenário de alta inflação, que culminou em um retorno real de apenas 14,68%.

É importante se lembrar que, historicamente, o Rendimento Poupança possui juros muito baixos. Veja abaixo a diferença entre o Retorno Real e Absoluto da caderneta ao longo dos tempos.

Rendimentos Poupança
Ano Retorno Absoluto (%) Retorno Real (%)
2017 3,54* 2,33*
2016 8,30 1,89
2015 8,15 -2,28
2014 7,16 0,71
2013 6,37 0,43
2012 6,47 0,60
2011 7,50 0,94
2010 6,90 0,94
2009 7,05 2,63
2008 7,90 1,89
2007 7,77 3,17
2006 8,40 5,10
2005 9,21 3,33
2004 8,10 0,46
2003 11,21 1,75
2002 9,27 -2,90
2001 8,63 0,89
2000 8,32 2,21
1999 12,76 3,50
1998 15,16 13,28
1997 16,85 11,05
1996 16,34 6,19
1995 40,38 14,68

* Rentabilidade acumulada no 1º semestre de 2017.
Fonte: Banco Central

Investimentos melhores que a poupança


Agora que você conheceu os detalhes mais importantes sobre a remuneração da poupança, você pode se perguntar: mas existe investimento melhor que a poupança? Nesse ponto, há duas preocupações:

  • Uma melhor rentabilidade
  • E a segurança do seu dinheiro

Muitas pessoas que ainda guardam dinheiro na caderneta fazem isso porque preferem manter seu dinheiro seguro.


Mas e se eu te disser que você pode ter a mesma segurança e rendimentos consideravelmente maiores que os juros da poupança?


Sim, existem investimentos melhores que a poupança. A alternativa pra isso são os investimentos de Renda Fixa, que são títulos de crédito emitidos por bancos, financeiras ou pelo próprio governo.

Os bancos e instituições financeiras emitem esses títulos, que são vendidos aos investidores. É como se você emprestasse seu dinheiro à instituição e, em troca, ela te devolvesse o dinheiro acrescido de juros em um prazo determinado.

Esses títulos, normalmente, oferecem uma rentabilidade mais atrativa, pois as instituições oferecem melhores juros para atrair os investidores. Ao contrário da Caderneta, que tem uma rentabilidade preestabelecida pelo governo.

E você ainda pode abrir conta em uma corretora de valores e aplicar em títulos de diferentes bancos e instituições, sem ter que abrir conta em cada um deles.

Como investir com segurança e rentabilidade?

Investimentos melhores que a poupança| É possível ganhar mais que a Caderneta sem abrir mão da segurança.

Embora muitas pessoas confiem na poupança por causa do bancos, o que realmente garante a sua segurança é um órgão chamado Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que assegura o seu investimento e os juros em até R$250.000 por CPF e por instituição.

O FGC também garante alguns dos títulos de Renda Fixa mais conhecidos no mercado. Ou seja, você possui o mesmo nível de segurança da caderneta e, assim, pode focar em escolher um investimento melhor para o seu dinheiro.

Comparada a outros investimentos de Renda Fixa, a caderneta deixa muito a desejar. Veja um exemplo comparativo com alguns desses investimentos de Renda Fixa e sua rentabilidade acumulada no 1º semestre de 2017:

Rendimento poupança - investimentos melhores

Investimentos melhores que a poupança
Rendimento 2017*
Investimento Rentabilidade Absoluta Rentabilidade Real
Tesouro Prefixado 7,20% 5,95%
Tesouro Selic 6,12% 4,88%
CDB 4,88% 3,66%
LCI e LCA 4,39% 3,29%
Poupança 3,54% 2,33%

*Dados referentes à rentabilidade acumulada no 1º semestre de 2017, atualizada em 01/08/2017.

Viu como é possível ganhar mais que a Poupança sem abrir mão da segurança? Se você não conhece esses investimentos, não se preocupe, a gente explica:

Poupança ou Tesouro Direto?


O Tesouro Direto é um título que você compra do próprio governo, portanto, dentro da Renda Fixa ele é considerado o investimento mais seguro do mercado. Não é à toa, portanto, que ele costuma ser o primeiro investimento que as pessoas procuram quando desejam sair da Caderneta.

O grande diferencial é: ele rende bem mais que a caderneta.

Como você pôde ver, só no 1º semestre de 2017 o Tesouro Direto rendeu mais que o dobro da Caderneta de Poupança. Essa e outras vantagens fazem dele um dos investimentos mais famosos do mercado.

Entenda as vantagens desse investimento
O que é Tesouro Direto


CDB ou Poupança?


CDB é a sigla para Certificado de Depósito Bancário. Quando você compra um título de CDB, você está emprestando seu dinheiro para o banco. Assim, ele terá capital para investir em infraestrutura e emprestar a outras pessoas, te devolvendo o dinheiro, acrescido de uma taxa de juros, após o período combinado.

Se você confia na Caderneta por causa do seu banco, essa é uma forma bem mais rentável de investir nele. E você pode investir em diversos bancos ao mesmo tempo.

Conheça as vantagens de investir nesse título
O que é CDB


LCI e LCA x Poupança


LCI e LCA são dois outros títulos de Renda Fixa, muito parecidos entre si. Se você tem dúvidas entre escolher, LCA, LCI ou Poupança, saiba que as Letras de Crédito são bem mais rentáveis e tão seguras quanto a Caderneta.

E uma vantagem: assim como a Caderneta, as LCI e LCA também são isentas de Imposto de Renda. Então, se você procura por essa facilidade, agora você tem duas opções mais rentáveis que a Caderneta.

Conheça os investimentos isentos de Imposto de Renda
LCILCA


Esses são apenas alguns dos investimentos de Renda Fixa mais procurados pelos investidores. Como você pôde ver, eles oferecem tanta segurança e simplicidade quanto a Poupança, porém com rendimentos bem mais interessantes.

Uma combinação entre diferentes títulos pode ser a grande estratégia para multiplicar seu dinheiro. Aproveite para conhecer os melhores investimentos do mercado.

Baixe o Guia completo do Investidor iniciante
Guia completo do investidor iniciante - Ebook